FDR – Black Friday chega amanhã (29): saiba como se prevenir dos golpes

São Paulo - Movimento no comércio da rua Teodoro Sampaio, em Pinheiros, durante o Black Friday (Rovena Rosa/Agência Brasil)

Black Friday chega amanhã (29): saiba como se prevenir dos golpes

Está chegando a data mais aguardada para aqueles que desejam fazer compras. A Black Friday 2019 será realizada nesta sexta-feira (29) e vem movimentando tanto a internet, quanto os shoppings, e demais centros comerciais.

Milhares de brasileiros abraçarão as ofertas que prometem até 90% de desconto. Entre os produtos mais procurados, estão aparelhos eletrônicos como celulares, notebooks, tablets e mais.

Além disso, muitos desejam renovar os eletrodomésticos de suas casas e vêm pesquisando o preço de fogões, geladeiras, maquinas de lavar, entre outros.

Apesar de ser um dia marcante tanto para os comerciantes quanto para os clientes, é preciso estar tanto para não cair em golpes.

Especialistas reforçam que as principais fraudes da Black Friday acontecem em plataformas digitais, por isso ter muito cuidado na hora das compras é um ponto essencial.

Dicas para evitar transtornos na Black Friday:

Especialista em segurança cibernética da Mandic Cloud, Bruno Almeida, fala sobre os links que serão recebidos a partir de amanhã. Segundo ele, todos devem evitar clicar em tais portais se não tiverem total segurança de onde vieram.

“Participamos hoje de grupos de WhatsApp com muitas pessoas que a gente talvez nem conheça. Até mesmo conhecidos nossos podem compartilhar sites maliciosos, que roubam seus dados, sem saber do que se trata. Não compre nada nesses sites sem conhecer nem instale programas ou aplicativos em seu celular de empresas desconhecida”, pontuou.

Outra dica do especialista é na hora de conectar os dispositivos eletrônicos a redes Wi-Fi. Ele recomenda que as compras sejam feitas apenas em aparelhos com o antivírus atualizados e que a máquina esteja com os demais programas de segurança ativos.

Antes de finalizar a compra, Bruno pede para que os clientes acompanhem as redes sociais da marca ou site para que possam conferir o feedback de outros compradores. Entender o tempo de entrega, saber se o produto chegou em bom estado e se as trocas foram feitas de forma tranquila, são alguns pontos que poderão proporcionar maior segurança.

Já Andre Miceli, coordenador do MBA de marketing digital na FGV, ressaltou que é importante fazer as compras com calma. O especialista explica que mesmo com o grande número de ofertas, é preciso calcular bem, avaliar as demais possibilidades ofertadas e medir os ricos, antes de adquirir um produto.

“Desconfiar de tudo é o primeiro passo. Quando a esmola é demais, todo santo desconfia. Isso vale não só para compras, mas também para evitar cair em fake news. É importante procurar uma validação para a informação por outras fontes daquilo que você recebe”, afirmou.

Fonte: FDR